Grupo Lajes: Normas regulamentadoras O que são e quais as principais da Construção Civil.

Normas regulamentadoras: O que são e quais as principais da Construção Civil.

Você sabe o que é e quais são as principais Normas Regulamentadoras da Construção Civil?

 

As NR, ou, Normas regulamentadoras, são requisitos técnicos referentes à segurança do indivíduo e ambiente no trabalho. São 36 normas definidas pelo Ministério do Trabalho, sendo boa parte delas destinadas à Construção Civil, tendo em vista que a área é a que mais registra acidentes.

 

Descumprir essas regras prejudica o trabalhador, que sofre risco de doenças e acidentes e também o empregador que pode ser multado, já que possui o dever de oferecer segurança aos colaboradores.

 

Confira a seguir 4 das principais Normas Regulamentadoras da construção civil:

Equipamentos de Proteção Individual (EPI)

Exige que as construtoras distribuam Equipamentos de Proteção Individual aos trabalhadores das obras. O colaborador se torna obrigado a utilizar o equipamento durante todo o período, e cuidar da manutenção do mesmo. Os equipamentos previnem acidentes nos olhos, ouvidos, tronco, cabeça, membros superiores, membros inferiores e aparelho respiratório.

 

Qual a Importância do EPI

O uso dos EPIs é de extrema importância, pois eles protegem os profissionais individualmente, o que reduz qualquer tipo de ameaça ou risco para o trabalhador. Esses equipamentos de proteção são determinados por regra e estabelece que eles sejam fornecidos de forma gratuita ao trabalhador para a prática das suas atividades.

 

A obrigação de verificar se os equipamentos de EPIs estão sendo usados de forma adequada é dos supervisores, eles devem vistoriar para que os equipamentos sejam utilizados durante todo o expediente de trabalho e devem seguir todas as determinações da empresa.

 

A importância dos EPIs é tão grande que em caso de equipamentos danificados ou até mesmo perdidos, fica por responsabilidade da empresa substituí-los antes que o funcionário retome suas atividades. O uso correto do EPI não evita somente grandes problemas para o trabalhador e, também, para a empresa, como garante que os trabalhos sejam executados com mais segurança.

 

É importante lembrar também que os equipamentos de proteção individual devem ser mantidos em boas condições de uso e precisam ter um Certificado de Aprovação do órgão competente. Todos devem compreender a importância do uso de equipamentos de proteção no dia a dia da empresa para que acidentes sejam evitados.

 

Leia:  Os Principais Erros Em Uma Obra.

Uso de maquinário precisa de normas regulamentadoras?

Visando garantir que máquinas e equipamentos de construção civil possam ser utilizados pelo trabalhador de maneira segura, prevenindo acidentes e doenças do trabalho através de medidas de proteção e de referências técnicas. A norma também cobra informações a respeito da instalação, manutenção, origem e tempo de vida da máquina.

 

Além disso, a norma também exige a aplicação de medidas exclusivas para colaboradores portadores de deficiência.

Normas regulamentadoras nas alturas

Essa norma estabelece as instruções para a segurança do trabalhador em atividades realizadas nas alturas, que pela norma, é considerada acima de dois metros do nível do solo, onde já existe risco de queda e acidente.

 

Assim, a norma visa prevenir acidentes e quedas a partir de exigências como treinamento e capacitação, equipamentos de proteção individual, acessórios e sistemas de ancoragem, equipe de emergência, e desenvolvimento de planejamento para organização e execução das atividades.

 

No planejamento das atividades, devem ser adotadas medidas para evitar o trabalho em altura, sempre que existir meio alternativo de execução, medidas que eliminem o risco de queda dos trabalhadores e medidas que minimizem as consequências da queda, quando o risco de queda não puder ser eliminado.

Medidas de segurança

Sendo uma das principais Normas da construção civil, ela estabelece diretrizes de planejamento e de organização para a implementação e controle de sistemas de segurança, além de trazer questões sobre atividades específicas da construção civil como, demolições, escavações, telhados, armações e alvenaria. A norma descreve os procedimentos e instruções para cada atividade de uma obra.

 

Para garantir o cumprimento das exigências, a NR 18 exige também a implantação do Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção para canteiros que contam com 20 trabalhadores ou mais.

 

O PCMAT, que deve ficar no canteiro à disposição da fiscalização do Ministério do Trabalho e Emprego.

 

Veja Também: Patologias na construção civil

6 normas regulamentadoras da construção civi que você precisa conhecer

NBR 6118: Projeto e Estruturas de Concreto

Esta norma identifica os requisitos mínimos necessários para projetar estruturas de concreto simples, armado e protegido.

 

A NBR 6118 não se aplica a estruturas que utilizam concreto leve, pesado ou outro concreto especial.

 

NBR 7190: Projeto e Estruturas de Madeira

A Norma de Desempenho 7190 especifica as condições gerais a serem seguidas para o projeto, execução e controle das atuais estruturas de madeira. Por exemplo, pontes, pontes, telhados, pisos e andaimes.

 

Também estabelece requisitos relacionados às condições básicas de segurança para o uso do material. Assim como as limitações de aplicação de esforço e deformação, as propriedades da madeira, sua configuração construtiva, etc.

 

NBR 7199: Projeto, Execução e Aplicação dos Vidros na Construção Civil

Embora atualizado em 2016, o padrão remonta a 1989. O objetivo do ajuste é esclarecer seus parâmetros. Principalmente no que diz respeito às instruções dos óculos de acordo com sua aplicação.

 

O texto da NBR 7199 também foi atualizado para atender às normas internacionais, principalmente no que diz respeito ao uso de vidros de segurança. Como laminado, com fio e temperado.

 

Portanto, esta norma especifica regras gerais para o uso de vidro em edifícios civis. Também envolve a padronização do uso adequado, segurança, etc. de cada vidro em termos de aplicação e espessura.

 

NBR 7480: Aço Destinado a Armaduras para Estruturas de Concreto Armado

Esta norma abrange todos os aspectos relacionados ao reforço de estruturas de concreto armado. Por exemplo, fabricação, pedido e fornecimento de vergalhões e arames.

 

Portanto, a NBR 7480 orienta as propriedades geométricas ideais de barras lisas, nervuras e arames. Bem como parâmetros relacionados às propriedades mecânicas de tração e flexão e soldabilidade do material.

 

Portanto, a Norma de Desempenho 7480 foi projetada para garantir a segurança e a qualidade de toda a estrutura de concreto armado.

 

NBR 12721: Avaliação de Custos de Construção para Incorporação e Outras Disposições para Condomínios Edifícios

A NBR 12721 visa padronizar as regras relacionadas à definição de objetos de transação. Para tanto, recomenda comparar o preço da transação com o valor investido nos recursos necessários para a construção.

 

É por isso que há um maior equilíbrio no processo em todas as áreas associadas a cada propriedade, incluindo áreas comuns e até estacionamentos.

 

É esse padrão de desempenho que define os critérios para a obtenção do registro da empresa. Além disso, regulamenta cada aspecto construtivo de cada unidade a ser entregue ao cliente.

 

NBR 15575: Desempenho de edificações habitacionais

Trata-se de um dos mais altos padrões de construção civil do Brasil. A NBR 15575 abrange diversas orientações sobre obras residenciais.

 

Seus parâmetros incluem:

  • Responsabilidades de desenvolvedores, designers, construtores, fabricantes de materiais e usuários;
  • Durabilidade e Manutenção de Edifícios;
  • Projete e Construa Vida e Garantia;
  • Sistema estrutural;
  • Sistema de piso interno;
  • Sistema de vedação;
  • Sistema de sobreposição
  • Sistema hidrossanitário.

 

Essas são apenas algumas das principais normas da construção civil no Brasil.

 

São mais de 881 Normas Brasileiras aprovadas pela ABNT, e esse número deve crescer ainda mais. Isso porque, a cada ano, novas regras são discutidas e aprovadas.

 

Portanto, seguir cada um deles pode ser uma tarefa desafiadora, mas necessária.

 

Para acompanhar todos os novos padrões que surgem e todas as inovações no campo, você pode nos seguir nas redes sociais.

 

Aproveite esta oportunidade e entre em contato com um de nossos profissionais para a sua construção, reformas ou planejamento.

 

Gostou do conteúdo? Continue acompanhando os artigos para ficar por dentro de tudo na área da Construção Civil.

Tags
No Tag

No responses yet

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

WhatsApp chat